Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Valentine

um blog indefinido e mesclado como só ele sabe ser

Liane Moriarty ou a Senhora que me tira o sono

 

lianemoriarty.jpg

(source)

 

  A série "Big Little Lies" estreou em Fevereiro de 2017 e desde logo me conquistou. O elenco, a banda sonora, as cores e o enredo. Isso conduziu-me até à escrita da Liane Moriarty, a autora do livro na qual a série se baseava. Movida por escassez monetária no momento em que decidi que tinha de saber o desfecho daquela história, recorri à pirataria e encontrei um PDF online. Li-o de rajada. Faltava-lhe a banda sonora espectacular da série, mas o enredo era mil vezes melhor. Mal sabia eu que estaria para sempre refém da Senhora Moriarty. 

 

  Agosto de 2017. Numa das muitas visitas à pequena estante designada como biblioteca do hotel onde tive o pior trabalho do mundo, tropecei num exemplar que me conquistou pela lombada. Era um livro da Liane Moriarty. A sinopse? Pouco importava. Levei-o para casa e, ao contrário do que fiz com os restantes livros que li daquela estante, não consegui devolver aquele. "Trully Madly Guilty" foi a segunda flecha cravada no meu coração pela Senhora Moriarty. 

 

  Maio de 2018. A minha vizinha do lado convidou-me para ir a casa dela ver os livros que ela tinha, com a premissa que poderia levar todos os que queria. Quem me dera que houvessem mais convites destes. Mais uma vez, ao vislumbrar a prateleira, deparei-me com outra lombada daquelas. Liane Moriarty! Devorei o "The Husband's Secret" em 3/4 assentadas de 100/150 páginas cada uma, tendo a última perturbado o meu sono, dado que só o larguei já eram quase 2 da manhã. (Entendam que eu sou uma idosa no que toca a horas de sono, menos de 7h não são aceitáveis para o normal funcionamento desta pessoa.) 


  Julho de 2018. A chegada do primeiro ordenado no mundo do marketing digital deu espaço a algumas prendas para mim própria. Uma delas? Acertaram! Um livro da Liane Moriarty. Comecei a ler o "Three Wishes" no domingo à noite e já mexeu com o meu horário de sono. Parece que não aprendo, mas a culpa é da Senhora Moriarty por ser a mestre dos enredos e personagens complexas. 


(Este post não foi patrocinado por ninguém, mas se estiverem interessados, adorava que me patrocinassem os 3 livros que me faltam da Liane Moriarty.) 

  

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.